WorldSkills: SENAI é o Brasil que dá certo, diz avaliador

0
0
0
s2smodern

Começa seletiva no Acre e vencedor na área de marcenaria de estrutura representará país em mundial na Rússia no ano que vem

Alunos-competidores do SENAI dos estados de São Paulo (Guilherme Silva Costa), Minas Gerais (Marcos Aurélio da Silva Junior), Paraná (Bruno de Souza Soares) e Rio Grande do Sul (Luiz Gabriel Hoffman Dias) já estão no Instituto SENAI de Tecnologia Carlos Takashi Sasai (IST) para disputar a vaga de representante do Brasil no mundial que será realizado em Kazan, Rússia, em 2019. O certame teve início na manhã dessa segunda-feira, 11, e se encerrará na noite de quinta-feira, 14, quando o grande vencedor será anunciado. A instituição está aberta para visita durante todos os dias do evento.

“Minha preparação foi bem intensa, eu treinava de oito a dez horas por dia. Nesse início de prova, tem sempre aquela pressão, está um pouco puxado, mas acredito que agora é só pegar o ritmo. Todos que estão aqui competindo têm condições de ganhar”, pondera o concorrente do PR, Bruno Soares.

O avaliador adjunto da competição, Marcelo Salviato, elogiou a infraestrutura do IST e a qualidade de ensino da instituição em todo o país. “Proporcionaram para nós um ambiente de altíssimo nível de tecnologia, totalmente preparado para a importância de uma competição como essa. O SENAI é o Brasil que dá certo, os alunos estão estudando em uma das melhores instituições de ensino profissional do mundo”, observou. “Para os competidores chegarem até aqui, não foi fácil. Foram treinamentos intensivos, estamos falando de quatro a cinco anos de dedicação e compromisso. Só assim se consegue resultado”.

Ele explica que marcenaria de estrutura é uma ocupação que desenvolve móveis e artefatos de madeira, como esquadrias, janelas, escadas, aparadores, encaixes complexos, entre outros. Serão duas provas de 11 horas cada, para que eles desenvolvam o projeto que lhes foi entregue, de acordo com normas e padrões internacionais de qualidade. “Nossa equipe não mediu esforços para que tudo desse certo e que todas as delegações fossem bem recebidas. A competição já começou. Agora é torcer para que nosso país seja bem representado na Rússia, em 2019”, comemora João César Dotto, diretor regional do SENAI.

Pela segunda vez em sua história, o SENAI/AC é escolhido para sediar uma etapa da seletiva WorldSkills, a maior competição de educação profissional do mundo. Em 2016, o Acre recebeu competidores na ocupação de software para negócios e o vencedor representou o Brasil na competição mundial que foi realizada em Abu Dhabi, no ano passado. “Estamos muito felizes e, unidos, procuramos fazer o melhor para receber todas as delegações no nosso estado. Todos já são vencedores por chegarem até aqui. Que cada um dê o seu melhor. Queremos ajudar nosso país a brigar para ser campeão mundial”, almeja Adelaide de Fátima Oliveira, presidente da FIEAC em exercício.

OLIMPÍADA DO CONHECIMENTO – As seletivas para o mundial de profissões, que vão ocorrer em 26 estados e no Distrito Federal, fazem parte da programação da Olimpíada do Conhecimento 2018. O evento, que apresentará a Cidade Inteligente e a Escola do Futuro, será realizado em Brasília (DF) entre 5 e 8 de julho. A Olimpíada terá demonstrações de tecnologias e métodos modernos de ensino implementados pelo SESI e pelo SENAI na formação de cidadãos e profissionais da indústria 4.0. A entrada é gratuita.